Como cuidar de orquídea borboleta

Como cuidar de orquídea borboleta? A orquídea borboleta é o nome comum para as orquídeas Phalaenopsis, também conhecidas como orquídea mariposa e orquídea boca. É uma das orquídeas mais populares por ser mais fácil de cuidar e possui cores lindas. Neste post explicaremos o tipo de solo, quantidade de luz e água para cultivar a orquídea borboleta dentro de casa.

Como cuidar de orquídea borboleta em casa

A orquídea borboleta possui caules altos e as flores aparecem ao longo do caule, do meio para cima. Suas folhas verdes têm formato oval e ficam na parte inferior do caule. Elas são encontradas em árvores na natureza, pois são plantas epífitas. Seu pedúnculo pode chegar a 30 cm de altura, neste caso você vai precisar colocar uma estaca para ajudar a segurar a planta e ela ficar em pé.

Ela gosta de temperaturas mornas de dia, de 16°C a 24°C, e frescas durante a noite, de 16 a 18°C.

Plante em vaso com mistura própria para orquídea, normalmente é mistura de perlita com abeto (ou pinho ou cortiça) ou outra de sua preferência, que seja bem drenado. Lembre-se de trocar o substrato a cada dois anos, atenção ao fazer o replantio, as raízes que estavam para fora do solo, precisam continuar para fora do solo e não enterradas.

Como cuidar de orquídea borboleta
Como cuidar de orquídea borboleta?

Você poderá propagar a orquídea por divisão, dividindo a planta quando ela estiver adulta.

Pode ser necessário utilizar fertilizante líquido uma vez a cada duas semanas, da primavera ao outono.

Não deixe a orquídea em quarto que tenha aquecimento pois ela poderá morrer rapidamente, a não ser que você dê umidade suficiente para ela sobreviver. É uma planta que ama umidade, vivem nos troncos das árvores no meio da floresta.

Luminosidade para orquídea borboleta

Ela precisa de luz por um longo período do dia, mas não pode ser sol direto, pode ser sombra parcial, se possível 10 horas por dia. Caso não tenha muita luminosidade onde você mora, talvez seja preciso utilizar luz artifical para ela sobreviver.

Se ela não estiver florescendo e as folhas estiverem bonitas, pode ser que esteja pegando pouca luz do sol. Se não for falta da luz, pode ser qeu a temperatura esteja muito quente durante a noite.

Rega da Phalaenopsis

Você deverá regar apenas quando o solo ficar seco ao toque, coloque o dedo e sinta, uns 5 cm no solo. Regue completamente, mas não deixe encharcado, senão ela poderá morrer. É muito importante que o solo esteja bem drenado para o excesso de água sair.

Você saberá se estiver regando demais pois suas folhes começam a ficar amareladas.

Se estiver com falta de água ela pode ficar com as raízes superiores de cor cinza, se for falta de água ou luz pode ficar meio esbranquiçada. Fique de olho!

Precisa podar as flores?

Sim, se você quiser que ela floresça no ano seguinte. Normalmente as flores duram uns três meses, mas podem durar mais tempo.

Quando um caule pára de dar flor, ele poderá desabrochar novamente no ano seguinte, mas pode ficar marrom, por isso é importante podar as flores quando elas começarem a murchar.

Para a poda você pode cortar uns 5 cm acima de um nó que fica abaixo das flores, ou então cortar a haste 2,5 cm do solo. Sem cortar o caule, a planta poderá florescer mais rapidamente do que ter que esperar crescer novo caule. Mas se você cortar na base da planta, estará dando à ela oportunidade de usar sua energia para produzir flores mais bonitas na próxima vez.

A orquídea borboleta é tóxica?

Dee acordo com a Sociedade Americana de Prevenção de Crueldade contra Animais, a Phalaenopsis não é tóxica para cães e gatos. Mesmo assim você sempre deve ter cuidado com o que ele pega para comer, pois pode causar engasgo e sufocamento.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.