Como cuidar de aglaonema

Como cuidar de aglaonema em vaso? A espécie aglaonema possui mais de 50 variações diferentes entre elas a Aglaonema commutatum, Aglaonema modestum, Aglaonema pictum e outras. São conhecidas como sempre-verde chinesa em inglês e é uma planta perene nativa da Ásia. Está pensando em cultivar esta planta? A seguir falaremos sobre tipo de solo, quantidade de luz e água para cuidar da aglaonema dentro de casa.

Também explicaremos se ela é tóxica para cães e gatos, para que você tenha cuidado de onde deixar a planta.

Como cuidar de aglaonema

Ela é uma planta de crescimento lento que pode atingir até 1 metro de altura, sua versão mais popular é a com folhas prateadas com manchas verdes. Essas folhas podem crescer até 30 cm de comprimento e 8 cm de largura. Floresce durante o verão, mas são flores muito pequenas que se transformam em frutos, ela não é cultivada pela flor, mas sim pelas folhas.

A aglaonema não costuma precisar de cuidados especiais, somente em relação à temperatura, pois elas não resistem à temperaturas abaixo de 15°C (suas folhas podem ficar com manchas escuras), sendo que a temperatura ideal para seu cultivo é entre 18 e 27°C.

A quantidade de luz necessária vai depender da espécie, normalmente as que possuem folhas mais escuras precisam de menos luz. Deixe sempre em local que pegue luz indireta, deixando a planta na sombra. A luz solar direta queima as folhas.

Como cuidar de aglaonema
Como cuidar de aglaonema dentro de casa?

No vaso você pode utilizar um substrato padrão contendo turfa e perlita, para ficar bem drenado. Se não tiver perlita pode usar areia, para que o solo não corra risco de ficar encharcado.

Pode ser necessário o replantio a cada dois a três anos, mesmo que as raízes comecem a sair do vaso antes desse tempo, não é preciso replantar antes, é normal isso acontecer. Quem quiser poderá propagar a planta por estaquia ou divisão de touceiras durante o verão ou primavera.

Como as flores não são atraentes, você poderá removê-las quando aparecerem, principalmente pelo fruto ser venenoso. Esses frutos competem com as folhas pelos nutrientes da planta, deixando as folhas menos atraentes. Remova também folhas murchas e amareladas.

Quantidade de rega para as aglaonema

A rega deve ser feita regularmente para o que o solo fique úmido o tempo todo. Evite deixar secar, pois não é muito tolerante à seca, e evite encharcar, pois sua raiz pode apodrecer. A rega tem que ser moderada. É importante reduzir a rega no inverno, senão poderá matá-la.

Na época do crescimento você poderá utilizar fertilizantes líquidos a cada três semanas. Reduza no inverno.

É tóxica para cães e gatos?

De acordo com a Sociedade Americana de Prevenção de Crueldade contra Animais a aglaonema contém o princípio tóxico “cristais insolúveis de oxalato de cálcio” que podem causar irritação oral, dor e inchaço da boca, lábios e língua, baba excessiva, vômito e dificuldade para engolir em cachorros e gatos. Portanto não deixe seu companheiro comer esta planta.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.