Como cuidar de cróton em casa

Como cuidar de cróton em casa? A Codiaeum variegatum, mais conhecida como cróton ou folha-imperial, é uma planta perene nativa do sul da Índia, Sri Lanka e outros locais da Ásia. Não é uma planta fácil de cuidar pois exige alguns cuidados especiais, e apesar de dar flores, é cultivada por sua distinta folhagem. Neste post explicamos sobre tipo de solo, quantidade de luz e água para cultivo da cróton em vaso. Também falamos se ela é tóxica para cães e gatos.

Como cuidar de cróton em casa

A cróton é um arbusto que pode atingir 0,9 m de altura, suas folhas coriáceas têm cor e tamanhos variados, mas chamam atenção por serem uma mescla do verde com branco, púrpura, rosa, laranja, amarela e outras. Suas flores são pequenos cachos brancos e amarelos, que não são muito atrativas.

A cróton prefere temperaturas entre 18 e 27°C, e não suporta temperaturas muito frias. Não deixe ela em corrente de ar fria em janelas, senão poderá morrer. Algumas variedades da cróton precisam de muita luminosidade, sol pleno mas não luz direta nas folhas, outras aguentam meia-sombra. Geralmente quanto mais colorida ela for, mais sol precisará.

Coloque em vaso bem drenado com substrato mistura de turfa com perlita ou areia, tem que ser substrato bem drenado.

Como cuidar de cróton Codiaeum variegatum

Pode ser propagada por estaquia na primavera, colocando em hormônio de enraizamento nas pontas dos caules e enfiando o caule na terra do vaso.

O replantio pode ser necessário a cada dois anos trocando para um vaso de um número maior, se a planta tiver crescido demais para ele. Mas atenção! A planta gosta que as raízes fiquem apertadas no vaso, a mudança é se você quiser.

A pode poderá ser necessária durante a primavera, pois a cróton cresce bastante. Corte os caules no tamanho que preferir que ela fique no ambiente. Nunca pode mais do que um terço da planta!!

Quantidade de água na rega da cróton

É importante manter o solo sempre úmido, verifique com o dedo a parte superior do solo, notando que está seco (uns 5 cm do solo), regue completamente. No inverno é importante reduzir essa rega.

É uma planta que gosta de bastante umidade, aí que está o problema, se não tiver umidade suficiente suas folhas ficarão feias. Poderá ser necessário o uso de borrifador com água para umidificar o ambiente. Ou você pode aumentar a umidade colocando o vaso da planta dentro de uma bandeja rasa forrada com pedrinhas e um pouquinho de água.

No crescimento, na primavera e outono, você pode utilizar um fertilizante diluido a cada duas semanas.

Problemas mais comuns ao cuidar da cróton em casa

As folhas podem perder a cor, se isso acontecer você não está dando luz suficiente, mude-a para local que pegue mais sol. Se possível coloque-a na parte externa da casa em dias mais quentes, se não for possível coloque-a na janela nos horários mais quentes. Mas cuidado! Pois se as folhas ficarem desbotadas pode ser muita luz!

Se as pontas ficarem marrom e perder algumas folhas inferiores, pode ser culpa do ar seco ou solo seco. Em temperaturas muito baixas as pontas também podem ficar marrom. É preciso verificar de acordo com a sua casa.

É tóxica para cães e gatos?

Sim, a Codiaeum variegatum possui uma seiva leitosa que é tóxica tanto para cães e gatos, quanto para crianças. Se eles comerem essa planta, pode causar náuseas, vômitos e diarréia, as sementes podem ser fatais para crianças. Além disso pode causar irritação na pele, por isso ao manusear a planta coloque luvas. Não deixe em local em que seu cão ou gato possa comer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.