Como cuidar de caládio, coração de jesus

Como cuidar de caládio, coração de jesus, dentro de casa? A Caladium bicolor ou Caladium hortulanum, mais conhecida como caládio ou coração de jesus, é uma planta perene nativa da América do Sul e muito cultivada pela beleza das suas folhas finas e bicolores. Neste post explicamos o tipo de solo, quantidade de luz e água para cultivo da caládio em vaso. Ela é tóxica para cães e gatos?

Dicas para cuidar de caládio

A caládio é uma planta que cresce pouco, fica normalmente em 60 cm de altura, e suas folhas grandes crescem até 45 cm de comprimento. Sua beleza está justamente nas folhas que ficam em forma de seta ou coração, são muito finas com textura de papel, e são bicolores, sendo que a que mais chama atenção é a verde com cor-de-rosa.

Ela não é difícil de cultivar, o único problema é que no inverno ela entra em repouso e parece ter morrido, depois que as folhas ficam amareladas e murcham. Mas você pode remover os tubérculos do vaso e deixar secar em algum local da casa que esteja bem quente. Remova caules que possam estar presos ao tubérculo e deixe-o guardado para ser replantado na primavera.

Ela prefere temperaturas acima de 21°C e nunca menos do que 15°C. No habitat natural cresce em meia sombra, mas no interior da casa pode ficar em local bastante brilhante sem luz direta do sol. A luz do sol queima as folhas.

Coloque em vaso bem drenado com solo rico em matéria orgânica.

O replantio será necessário quando as folhas morrere durante o outono. Deve-se remover do vaso, colocar para secar o tubérculo e depois replantar na primavera.

Como cuidar de caládio, coração de jesus
Como cuidar de caládio, coração de jesus

A propagação pode ser feita pela divisão de tubérculo quando ela entra em hibernação. Mas é preciso que cada parte dividida do tubérculo contenha um botão para que o caule possa começar a crescer.

Quantidade de água para coração de jesus

A rega deve ser feita frequentemente para manter o solo úmido, mas nunca encharcado. Ela não tolera a seca, portanto não esqueça de regá-la regularmente.

É tóxica para cães e gatos?

Sim, a caládio possui o princípio tóxico cristais insolúveis de oxalato de cálcio que podem causar irritação oral, queimação intensa e irritação na boca, lábios e língua, baba em excesso, vômito e dificuldade para engolir. Portanto não deixe em local que seu companheiro poderá comer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.