Como cuidar de cheflera, Schefflera arboricola

Como cuidar de cheflera? A Schefflera arboricola, mais conhecida como cheflera ou árvore-guarda-chuva-anã em inglês, é uma planta perene nativa de Taiwan. É uma planta que não precisa de condições especiais para cultivar em vaso dentro de casa. Neste post falaremos um pouco sobre tipo de solo, quantidade de luz e água para cultivo da cheflera. Também explicamos se é tóxica para cães e gatos.

Dicas para cuidar de cheflera

A árvore-guarda-chuva-anã cresce bastante quando cultivada no jardim, podendo atingir 15 metros de altura. Mas dentro de casa é possível podá-la para mater em 1,2 a 2,4 metros. A variedade mais comum é a variegada, que possui folhas nas tonalidades verde e amarelo, em formato quase oval. Não costumam produzir flores dentro de casa.

Ela gosta de temperaturas entre 15 e 24°C, não suporta frio ou calor demais, também pode morrer se colocada em corrente de ar frio. Gosta de ficar em local bastante iluminado mas nunca luz direta do sol. Se ficar em local com muita sombra ela não irá crescer.

A cheflera gosta de solo rico em matéria orgânica que seja bem drenável, uma opção é utilizar substrato de turfa com perlita. Coloqu em vaso com furo no fundo, pois precisa ser bem drenado. Ao crescer a planta poderá precisar de um pedaço de madeira para ficar apoiada e não cair para os lados.

Como cuidar de cheflera, Schefflera arboricola
Dicas para cuidar de cheflera, Schefflera arboricola

O replantio pode ser necessário a cada dois anos, para trocar o substrato. A pode também deve ser feita regularmente para manter a planta no tamanho desejado, removendo caules que não desejar. A planta continuará a crescer normalmente.

A cheflera pode ser propagada por sementes ou por estaquia. Na estaquia basta cortar caule de 10 a 15 cm que contenha um nó, remover as folhas inferiores deixando apenas um grupo delas. Será preciso utilizar fertilizante enraizador.

Quantidade de água na rega da Schefflera arboricola

A rega deve ser feita regularmente, sempre que notar que a parte superior do solo secou, você pode verificar colocando a ponta superior do dedo indicador no solo. Nunca exagere, pois o excesso de água pode matá-la.

Os níveis normais de umidade são suficientes para esta planta. Se onde você mora for muito seco, você pode aumentar umidade colocando pedrinhas em um tabuleiro com um pouco de água. Coloque o vaso por cima, sem que a água entre em contato com o vaso. Isso irá aumentar a umidade ao redor da planta.

Problemas que podem ocorrer ao cuidar da cheflera

Se as folhas e caules estiverem ficando marrom pode ser excesso de rega, principalmente se elas estiverem moles, murchando. Verifique se a raiz está apodrecendo, se estiver troque o vaso e o substrato, remova parte da raiz que estiver podre, junto de caules e folhas que morreram.

Se as folhas estiverem amareladas e caindo é normal se forem as folhas inferiores, isso ocorrer para encorajar o crescimento da planta. Mas se estiverem caindo muitas folhas superiores, pode ser excesso de água, falta de água, muito calor, queda de temperatura ou pouca luz. Você precisará verificar de acordo com as condições da sua planta.

É tóxica para cães e gatos?

Sim, esta planta contém os princípios tóxicos terpenóides, saponinas e oxalato de cálcio insolúvel, que pode causar irritação oral, dor e inchaço na boca, língua e lábios, salivação em excesso, vômito e dificuldade para engolir, tanto em cachorros quanto em gatos. Portanto não deixe em local que seu companheiro possa comer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.