Como cuidar de ajuga

Como cuidar de ajuga? A Ajuga reptans, mais conhecida como ajuga, búgula, erva-férrea, língua-de-boi, consolda média, erva de são-lourenço ou erva de são léo, é uma planta herbácea perene nativa da Ásia e Europa. Neste post trazemos algumas dicas sobre o cultivo da ajuga. Qual o tipo de solo, quantidade de luz e água, e se ela é tóxica para cachorros e gatos.

Dicas para cuidar de ajuga

A ajuga possui folhas ovaladas na cor verde ao bronze e ao roxo, com pontas eretas de flores azul-arroxeadas tipo espiga, que apesar de não serem o principal atrativo, são bastante bonitas para decoração. Pode atingir de 0,1 a 0,5 m de altura e 1 metro de largura (se espalha rapidamente), e levar até cinco anos para atingir sua altura máxima.

Prefere ficar em local com sol parcial, mas aguenta o sol pleno, desde que não tenha calor em excesso. Gosta de locais bastante arejados, principalmente quando estiver em vasos. Atenção! Se for cultivada em sol pleno, sua folhagem costuma ser menor mas produz mais espigas de flores.

Deve ser plantada em vaso bem drenado, com furo no fundo, utilizando solo rico em matéria orgânica que seja bem drenado. A coroa não deve ser coberta com terra, senão a planta apodrecerá e morre!

Como cuidar de ajuga, Ajuga reptans
Dicas para cuidar de ajuga, Ajuga reptans

Não há necessidade de fazer poda nem de remoção de flores mortas, mas se quiser remova as pontas das flores no final do verão quando as flores murcharem. Se o local ficar muito lotado, poderá ser necessário debastar a planta, cavando a touceira e replantando metade das raízes.

Se espalhar demais, poderá ser necessário colocar algum material nas laterais, para bloquear sua propagação pelo local. Além disso, o estolho pode ser removido da planta-mãe quando são jovens. Não deixe crescerem demais, senão ficam emaranhados na planta principal e difícil de serem removidos.

Pode ser propagada por divisão, separando os caules com parte da raiz, ou até pelo estolho (estolões) removido da planta-mãe. Também pode ser propagada por semente, mas é mais difícil.

Quantidade de água na rega da ajuga

Prefere solo úmido, e não tolera a seca. Portando a rega deve ser regular, para manter o solo umedecido.

Normalmente quando está adulta só precisa de rega uma vez a cada duas semanas. Verifique sempre tocando no solo, quando notar que uns 5 cm da terra está seca, regue completamente.

A Ajuga reptans é tóxica para cães e gatos?

De acordo com alguns sites, ainda não foram reportados efeitos tóxicos em cachorros e gatos, causados pela ajuga. Portanto não deve ter perigos para seu companheiro. Mesmo assim evite que ele fique comendo, pois sempre pode se engasgar.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.